Terceira morte por febre amarela é confirmada em Nova Lima, diz prefeitura

0

Um óbito ocorrido nesta quinta-feira (11) ainda está sob investigação. Um paciente que está internado também teve diagnóstico positivo para doença.

A Prefeitura de Nova Lima confirmou, nesta quinta-feira (11), mais uma morte por febre amarela na cidade, localizada na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O número de total de óbitos causados pela doença chega a três no município.

De acordo com a prefeitura, a última confirmação se refere a um paciente, de 60 anos, que morava no bairro Galo. Ele morreu na última sexta-feira (5), na Fundação Hospitalar Nossa Senhora de Lourdes, em Nova Lima.

Os outros dois óbitos confirmados em Nova Lima são de dois homens, de 46 anos. Um deles era morador de São Paulo e passava as festas de fim de ano na cidade. Já o outro vivia no bairro Santa Rita. No estado, foram confirmadas nove mortes desde o fim do ano passado.

Ainda de acordo com a Prefeitura de Nova Lima, há ainda uma quarta morte sob investigação. O paciente, de 41 anos, morava no bairro Cascalho e estava internado no Hospital Eduardo de Menezes, na capital mineira.

A prefeitura ainda informou que um homem, de 47 anos, internado no mesmo hospital teve diagnóstico positivo para febre amarela. Ele vive em São Paulo e também passava férias com a família em Nova Lima.

O Executivo municipal afirma que 96% da população da cidade está imunizada contra a doença.

“A Secretaria Municipal de Saúde de Nova Lima está intensificando os esforços de vacinação nas regiões de moradia das pessoas que faleceram e que estão sob investigação com os sintomas da doença. Além de reforçar a visitação em residências e comércios para verificação e tratamento de possíveis criadouros do mosquito, a Prefeitura realiza ações de bota-fora e campanhas educativas”, disse por meio de nota.

Além de Nova Lima, há vítimas da doença em Brumadinho, na Grande BH, em Carmo da Mata, no Centro-Oeste, em Barra Longa, na Região Central, e em Mar de Espanha, na Zona da Mata, segundo a SES.

Fonte: G1

Campartilhe.

Deixe Um Comentário

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Curta nossa página no Facebook
error: Conteúdo Protegido!